10-12 ABRIL 2019

10,11 e 12 de abril das 14h às 20h

Auditório Lupe Cotrin
ECA - USP - São Paulo

TRABALHOS

Envio dos Trabalhos: até 11 de março de 2019

Sobre o evento

O seminário "Campanhas Eleitorais..." é o 1º evento do convênio internacional estabelecido entre o ICNOVA – Instituto de Comunicação da [Universidade] NOVA, do Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura da ECA-USP, e do Instituto Palavra Aberta, iniciado em 2018 e que tem como objetivo final a realização do projeto de pesquisa “Liberdade de Expressão e de Imprensa – uma análise comparativas dos processos eleitorais em Portugal e Brasil, 2018 e 2019”.

O projeto, que terá a vigência de dois anos, iniciou-se em agosto de 2018 com o acompanhamento das notícias dos jornais Folha de São Paulo, Estado de São Paulo, O Globo, as revistas Veja e Carta Capital, e os veículos on line UOL e Poder 360 relativas ao processo eleitoral de 2018, sob a ótica da liberdade de expressão e imprensa. A equipe terá a coordenação da Profa. Cristina Castilho Costa e a sub-coordenação do Prof. Walter Sousa, ambos do OBCOM/USP, contando com o suporte financeiro do Instituto Palavra Aberta para o levantamento de matérias jornalísticas (clipping).

Já no 1º dia do Seminário será realizado o lançamento do livro "Campanhas Eleitorais 2018 e Liberdade de Expressão" que trará uma análise sobre o processo das Campanhas Eleitorais e Crise da Democracia, Desglobalização, Guerra Fria Cultural e o papel da imprensa diante dos desafios das redes sociais, impacto das Fake News entre outros temas relevantes e que foram abordados no processo eleitoral.

As organizadoras do evento, Maria Cristina Castilho Costa (OBCOM) e Patrícia Blanco (Palavra Aberta) acreditam que a complexidade social e política suscitam aspectos que confrontam a liberdades individuais, entre elas a liberdade de expressão.

Além das mesas temáticas, teremos 1 dia dedicado à apresentação de trabalhos dos inscritos.

Haverá certificado de participação ao público em geral e de apresentação de trabalhos aos autores dos textos selecionados.

EQUIPE ORGANIZADORA
  • OrganizadoresMaria Cristina Castilho Costa e Patrícia Blanco.
  • Produção:M&M Soluções Web
  • Produção acadêmica:Jacqueline Pithan, Walter de Sousa.
  • Assessoria de Imprensa: M&M Soluções Web
  • Coordenadores de mesa: Maria Cristina Castilho Costa e Patrícia Banco.



Compartilhe


INFORMAÇÕES
  • Público-Alvo Pesquisadores que têm como objeto de pesquisa temas ligados à liberdade de expressão, à censura e outros meios de interdição à produção artística e jornalística brasileiras.

  • Inscrição de trabalhos: O terceiro dia de trabalho apresentará os ARTIGOS de pesquisadores inscritos e selecionados de acordo com a pertinência em relação ao tema. As inscrições poderão ser feitas  até 11 de março de 2019. Uma comissão de especialistas organizada pelas coordenadoras selecionará as propostas e organizará as mesas que contarão com um coordenador. O resultado será publicado em 31 de março. Serão três mesas com cinco participantes cada, em três horários diferentes perfazendo um máximo de sessenta (60) trabalhos a serem selecionados. 


  • Publicação dos Anais do Seminário: É intenção dos organizadores publicar os anais com textos que reproduzam as palestras e os textos apresentados.

Organizadores

Observatório de Comunicação,
Liberdade de Expressão e Censura
(OBCOM)

Núcleo de pesquisa da Universidade de São Paulo, atua desde 2000 na Escola de Comunicações e Artes sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Cristina Castilho Costa e vice-coordenação da Profa. Dra. Mayra Rodrigues Gomes. Reúne pesquisadores dedicados a entenderem processos de censura e de liberdade de expressão. Surgiu em torno do Arquivo Miroel Silveira, cujo acervo guarda mais de 6 mil processos de censura teatral pertencentes ao extinto Departamento de Diversões Públicas do Estado de São Paulo, cobrindo o período de 1930 a 1970.


ICNOVA – Instituto de Comunicação da NOVA



O ICNOVA – Instituto de Comunicação da [Universidade] NOVA - unidade de investigação no domínio das Ciências da Comunicação, que envolve investigadores de diversas instituições de ensino superior e politécnicos de Portugal.

A agenda estratégica para o período 2018-2022 designa-se Práticas dos Media: Desafios Culturais, Societais e Tecnológicos, e tem como objetivo investigar e intervir nas dimensões da inclusão e da diversidade no mundo em acelerada mudança social e mediatização profunda.




Instituto Palavra Aberta


Surgido da união de esforços das entidades Associação Nacional de Jornais (ANJ), Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), Associação Nacional de Editores de Revistas (ANER) e Associação Brasileira de Agências de Propaganda (ABAP), o Instituto Palavra Aberta defende a plena liberdade de ideias, pensamentos e opiniões. A partir de pesquisas, estudos, seminários e campanhas, busca promover a liberdade de expressão, a liberdade de imprensa e a livre circulação de informação como pilares fundamentais para o desenvolvimento de uma sociedade forte e democrática. É presidido por Patrícia Blanco.

Local e data



SEMINÁRIO – 2019: Campanhas Eleitorais 2018 e Liberdade de Expressão



Data:
10,11 e 12 de abril de 2019
Horário: das 14h às 20h30
Local:


Auditório Lupe Cotrin - ECA - USP
Av Professor Lúcio Martins Rodrigues, 443 -
Butantã - São Paulo, SP - CEP: 05508-020





Apoio: